Futebol

Desempenho da defesa é um dos pontos evidentes da queda de produção do Vasco

Depois de terminar o primeiro turno na vice-liderança da Série B, o Vasco caiu de produção e chega na reta final da competição lutando para permanecer dentro do G-4. E um dos pontos mais evidentes desta queda da equipe durante o Brasileiro é o atual desempenho do sistema defensivo vascaíno. Umas das melhores no começo da Segunda Divisão, a defesa do Cruz-Maltino é, agora, a segunda mais vazada no returno.

Até a 10ª rodada da Série B, no último jogo sob o comando de Zé Ricardo, o Vasco teve a melhor defesa da competição. Foram apenas três gols sofridos nas primeiras dez partidas da competição. O desempenho já não foi o mesmo na sequência, mas, ainda assim, o Cruz-Maltino terminou o primeiro turno com uma das melhores defesas do Brasileiro, com apenas 11 gols sofridos. Na época, apenas Grêmio, Sport, Cruzeiro e Bahia tinham times menos vazados.

No entanto, em meio a mudanças de treinadores, a defesa vascaína passou a não ter o mesmo desempenho do começo da competição. Até o momento, nos 12 jogos já realizados no segundo turno, o Vasco sofreu 17 gols. Apenas o Náutico, que é o lanterna da competição, levou mais gols no returno. O Timbu foi vazado 23 vezes neste período. 

Nos três primeiros jogos sob o comando de Jorginho, o Vasco levou seis gols, o que representa uma média de 2 por partida, um número pior do que a campanha geral do time na Série B (0,9 por jogo). Ainda com a vantagem de três pontos para o Londrina, primeiro time fora do G-4 e próximo adversário, na quinta-feira, às 21h30, em São Januário, o Cruz-Maltino precisa voltar a ter uma defesa forte para se manter firme no grupo dos quatro primeiros até o fim da competição.

PIORES DEFESAS DO RETURNO DA SÉRIE B

Náutico – 23 (12J)
Sport – 17 (12J)
Vasco – 17 (12J)
Novorizontino – 15 (12J)
Operário – 15 (12J)
Sampaio Corrêa – 15 (12J)
CRB – 14 (12J)
Grêmio – 14 (12J)
Tombense – 14 (11J)

Foto: Daniel Ramalho/CRVG

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                    

Fonte: Esporte News Mundo