Mercado

Vasco estaria tentando rescisão amigável com Michel

Vasco e Michel iniciaram conversas para rescindir o contrato do jogador. O vínculo do volante termina em dezembro de 2021. Porém, como não vem sendo utilizado pelo técnico Lisca, pode acabar deixando São Januário antes do previsto de forma melancólica.

O Torcedores.com apurou que Michel tem um dos maiores salários do elenco. Em grave crise financeira, o Vasco vem buscando alternativas para reduzir sua folha salarial. Dessa forma, a saída do meio-campista de 31 anos aliviaria as despesas do departamento de futebol.

Ainda segundo apurou a reportagem, as duas partes ainda estão alinhando um acordo para rescindir o contrato. Precisando reduzir custos, o Vasco não se pode dar ao luxo de pagar a Michel tudo o que ele tem direito até o fim do ano.

Michel, por sua vez, não quer sair de mãos vazias do clube. No entanto, o atleta está disposto a facilitar a negociação tendo em vista que o Vasco lhe ofereceu uma oportunidade após ser colocado no mercado pelo Grêmio.

Recentemente, Michel recusou um convite para defender um clube que disputa a Série A do Campeonato Brasileiro. Ele teve uma oferta do Cuiabá treinado por Jorginho. Apesar de ter a oportunidade de atuar na elite nacional, o atleta preferiu permanecer no Vasco.

Se conseguir rescindir amigavelmente o contrato de Michel, o Vasco irá ao mercado para repor a saída do atleta. Afinal, o técnico Lisca vem cobrando reforços da diretoria para tentar garantir o retorno do time a Série A do Campeonato Brasileiro.

Os números de Michel no Vasco

Michel foi contratado em maio pelo Vasco. Ele foi o décimo reforço para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. Ele chegou ao clube a pedido do ex-técnico Marcelo Cabo que desejava um jogador experiente para a cabeça de área.

No entanto, o meio-campista não correspondeu às expectativas e vestiu a camisa vascaína em sete oportunidades, sendo seis na Série B do Brasileirão e uma na Copa do Brasil. Além disso, totalizou 369 minutos em campo.

Sua estreia aconteceu no empate do Vasco em a 1 a 1 com a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, em Campinas, pela Série B. A última vez que esteve em campo, atuou 45 minutos no triunfo por 1 a 0 sobre o Confiança, no dia 3 de julho, em São Januário, pela 9ª rodada da competição.

Fonte: Torcedores.com